Após o halving do BTC, a criptomoeda é uma grande aposta para enfrentar a crise, já que perspectiva é bastante positiva.

Conforme a Forbes, com a crise por causa do Covid-19, os bancos centrais estão imprimindo mais dinheiro com o objetivo de amenizar o impacto. Com vários países imprimindo dinheiro a moeda irá sofrer desvalorização e muitos vão optar pelo bitcoin como uma reserva de valor. 

Os Estados Unidos já gastaram mais de US$8 trilhões com a crise do coronavírus, com esses valores sendo injetados no mercado, certamente ocorrerá a desvalorização do dólar.


Segundo o presidente do FED, Jerome Powell, a economia norte-americana não deve ser afetada no longo prazo, mas em curto prazo as perspectivas não são animadoras e que a recuperação da economia depende do coronavírus. 
Com isso, teremos uma valorização das reservas de valores como o já consolidado ouro, prata e agora o Bitcoin. 


Após o halving do BTC, a criptomoeda não teve nenhum tipo de dano que possa quebrar essa teoria de valorização do ativo. Os investidores estão cada vez mais otimistas. 
A demanda pelo ativo pode continuar aumentando, enquanto as ofertas das moedas fiduciárias colaboram com o crescimento do bitcoin. 


Fonte: https://criptonizando.com/

Posts relacionados

Leave a Comment